Transcender da economia circular para a economia colaborativa: um grande desafio para a “Geração Y”

São Paulo, SP 29/6/2021 – Em essência nossa plataforma estabelece o ambiente digital de negociação e colaboração, fomentado pela troca inteligente entre pessoas e empresas.

As gerações Y, Z e alfa têm o grande desafio e oportunidade de inovar e usar de forma criativa a tecnologia em favor da sustentabilidade da humanidade e do planeta. Uma janela única de oportunidade se abre neste momento, impulsionada pela aceleração do processo de transformação digital vivenciado no dia a dia, e que atinge a todos globalmente.

Diante desta perspectiva é inegável que para alcançar este novo patamar evolutivo devem-se promover mudanças importantes nesta sociedade 4.0 que se forma, sendo a Geração Y o principal motor propulsor para esta transição acontecer de fato. Podem-se destacar como pilares essenciais para a estruturação e sustentação destas mudanças, a ampliação do senso de colaboração e a aversão ao desperdício e consumismo.

O planeta não suporta mais prover matéria-prima para os humanos nas proporções existentes, há um desequilíbrio latente no ecossistema. Esta grande quebra de paradigmas somente acontecerá em escala global quando houver de fato uma mudança dos hábitos de consumo existentes, de uma relação linear entre os consumidores (C2C), para uma relação de consumo colaborativa, do humano para o humano (H2H), de forma individual e também coletiva (empresas).

Nesta perspectiva faz todo o sentido pensar seriamente no estabelecimento de um hábito importante a ser resgatado pela humanidade: “o trocar em vez do comprar”. A troca deve substituir de forma crescente necessidades de bens de consumo e serviços, aliviando a pressão sobre a cadeia de suprimentos do planeta. Foi a partir desta visão e motivação que o engenheiro de sistemas Ricardo Simões criou e desenvolveu o projeto PenseTroque, que atualmente é uma startup.

O projeto tem como principal objetivo tornar-se o primeiro marketplace de trocas colaborativas de veículos, primeiro passo para conduzir e contribuir em escala evolutiva a mudança de uma economia circular (C2C) para uma economia colaborativa (H2H).

A boa notícia é que a transformação digital chega finalmente ao universo de trocas de veículos, trazendo uma ótima oportunidade para que os trocadores encontrem finalmente um espaço inteligente para realizarem seus negócios. Chega ao mercado a plataforma digital inteligente de matchmaking de negociação e trocas, a PenseTroque.

Ricardo, CEO da PenseTroque, argumenta que:
“Em essência nossa plataforma estabelece o ambiente digital de negociação e colaboração, fomentado pela troca inteligente entre pessoas e empresas. Ao empreendermos uma visão mais holística sobre os processos do trocar milenar e o trocar contemporâneo digital praticados pela humanidade, nos deparamos com duas tristes realidades: (a) há muita dor na experiência de troca (pelo usuário final) e (b) os principais marketplaces do mercado têm o foco principal de seu negócio, somente na compra e na venda. Quando o assunto é troca, a experiência é desgastante: o usuário recebe ofertas em excesso e sem assertividade. Um dos problemas é a falta de processos estruturados e funcionalidades específicas como filtros e algoritmos inteligentes.”

A arquitetura da Plataforma foi projetada e desenvolvida no modelo PaaS/Clouding (plataforma em nuvem consumida como serviço), multilínguas (multilanguage), podendo também ser utilizada no formato OEM/Private Label (logomarca do cliente). O mercado de veículos contempla mais de 2 milhões de publicações na internet, sendo que 30% deste mercado poderá converter-se em trocas, segundo pesquisas realizada pela startup nos principais marketplaces do setor.

A inovação disruptiva do projeto destaca-se pelo seu modelo de negócios, e principalmente pela aplicação prática do conceito do “Deu Match” – conceito este que vem se popularizando globalmente e ocupando grande destaque nas mídias digitais e da propaganda de modo geral. Na prática, a essência deste conceito é fazer com que os usuários tenham seus desejos de negociação e troca e ao mesmo tempo que a jornada possa fluir de maneira objetiva, segura, fácil e prática.

As publicações de veículos são gratuitas e ilimitadas, tanto para pessoa física quanto para empresas. O investimento só é realizado pelo usuário quando uma oferta de Match é aceita; neste momento é liberado o acesso às informações de contato da contraparte interessada para que possa iniciar o processo de negociação.

A plataforma de gestão empresarial é oferecida como um serviço em nuvem por uma subscrição mensal e atende lojas, revendas, locadoras e concessionárias, ou também uma opção de loja individual com até 5 veículos publicados.

O projeto PenseTroque participa de vários concursos de startups para a captação de investimento SERIES A, como os da AMCHAM/Arena 2021 (Câmara Americana de Comércio), Olè Brasil 2021 (Top 20), Open 100 Startups e Darwin.

O objetivo principal desta primeira captação junto ao mercado é dar prosseguimento ao plano estratégico de marketing do projeto, que inclui a internacionalização da marca além de expandir a oferta da plataforma junto ao mercado imobiliário e de serviços.

Os recursos financeiros serão empregados principalmente para a alavancagem do projeto através da prospecção e geração de massa crítica de clientes com foco nos mercados B2C (Business to Customer) e principalmente no C2C (Customer to Customer). O MVP do projeto (Produto de Valor Mínimo) já está concluído e homologado.

Sobre a evolução do projeto atendendo também o mercado imobiliário, Ricardo destaca que:
“Ao expandirmos nossa oferta junto ao mercado imobiliário, iremos promover e atender uma grande demanda reprimida de negócios e que trará maior fluidez aos negócios nos setores automotivo e imobiliário através das trocas inteligentes entre imóveis e veículos, algo que ainda não existe no mercado de forma estruturada, estabelecendo, assim, o primeiro passo para a criação de um Marketplace específico e com foco em trocas.”

O projeto PenseTroque estabeleceu alianças estratégicas importantes com empresas do setor automotivo nos segmentos de seguro, financiamento C2C através do uso do cartão de crédito, logística e concessionárias.

Importante destacar que além das trocas também são permitidas e aceitas pela plataforma publicações para compra e venda de veículos, funcionalidades estas que foram implementadas em decorrência das demandas ocasionadas pela pandemia.

O app da PenseTroque está disponível para Android e iOS e a startup oferece uma cortesia de 2 matches que podem ser utilizados na Plataforma para os usuários que realizem seu cadastro até o próximo dia 15 de agosto.

Website: https://pensetroque.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × dois =