Santo André vai distribuir 30 mil chips para alunos a partir de setembro

Com as aulas suspensas desde o fim de março, o prefeito de Santo André, Paulo Serra, disse hoje, em live pelas redes sociais, que serão distribuídos 30 mil chips (com carga de crédito) de celulares para alunos e professores da rede municipal de educação.

A medida, disse Serra, visa permitir que os aluno, inclusive do EJA (Escola de Jovens e Adultos)  e os educadores não utilizem a internet própria. E, aos que não têm condições de acompanhar as aulas por falta de internet, garantir o acesso.

O prefeito disse ainda que a plataforma de aulas online da rede municipal será aperfeiçoada. Ele voltou a ressaltar que a rede de educação da prefeitura não retornará este ano às aulas presenciais. O chip começará a ser distribuído a partir do dia 08 de setembro.

Em relação às escolas estaduais e particulares, Serra ressaltou que daqui a 30 dias será feita uma nova avaliação sobre as condições da pandemia da covid-19 na cidade para definir se o retorno das aulas nestas redes será permitido a partir de outubro, como autorizado pelo governo do Estado.

Foto: Angelo-Baima /PMSA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove − dois =