Pandemia impulsiona mercados em condomínios

Você já pensou em ter um mercado na porta de casa? E dentro? Sabia que isso já é possível? Sim. Para moradores de condomínios comprar alimentos  e outros artigos sem precisar tirar o carro da garagem já é realidade e ganha espaço a cada dia. E as restrições de circulação causadas pela pandemia da covid-19 no último ano fizeram com que esse tipo de negócio tivesse ainda mais importância.

E foi com a visão de que o segmento ainda tem muito a crescer que o empresário Raphael Mancini, sócio da rede VendPerto, apostou nos mini-mercados em prédios e condomínios. A VendPerto surgiu impulsionada pelas restrições de circulação e medidas de controle e  combate à pandemia. A novidade traz ao mercado uma proposta de negócio que visa justamente manter o consumidor final mais seguro ao mesmo tempo em que sana suas necessidades de produtos básicos, sem que este precise sair de casa.

Além de estar nas dependências do condomínio, em uma área vaga, a VendPerto também aposta no auto-atendimento da escolha dos produtos ao pagamento.

Antes de entrar para o setor de Honest Market, que dá a total autonomia aos clientes, Mancini comercializava aquelas máquinas com alimentos e bebidas instaladas em clínicas, postos de gasolina, e outros empreendimentos e que nos salvam na hora que a fome ou a sede apertam.

E a aposta do empresário e seus sócios deu certo. Em pouco mais de um ano, VendPerto já conta com 70 mini-mercados instalados e outros 50 em negociação. “A unidade é vantajosa também para os moradores, já que um percentual das vendas fica com com o condomínio”, destaca Mancini.

O sistema é completamento digitalizado, com câmeras no interior que impedem que alguém saia sem pagar os produtos. A venda de bebidas alcoólicas tem controle por meio do CPF dos moradores do condomínio, evitando que menores de 18 anos efetuem a compra. A  reposição dos produtos também é automática, com sistema que acompanha e já indica o que precisa ser reabastecido. “Trabalhamos com as principais marcas de cada produto, oferecendo preço e qualidade”, ressalta o empresário.

Para este ano, a VendPerto deve fechar com 145 unidades instaladas. A meta para 2022 é de ter 345 pontos de vendas. Além dos mercados, Mancini disse que ainda estuda mimar um pouco mais os clientes, os moradores, com a opção do delivery até a porta de casa.

Para os prédios comerciais, também há opção da instalação de máquinas de café e até mesas para consumo rápido, que devem ganhar destaque assim que a pandemia finalmente nos deixar.

 

Serviço

 VendPerto

Site: www.vendperto.com.br

 

Fotos: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze − sete =