Multa por falta de máscara será de R$ 500 no Estado. Nas empresas, de R$ 5 mil

O governador João Doria anunciou hoje em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes, que a partir do dia 01 de julho (quarta-feira),  quem estiver sem máscara em todas as cidades do Estado será multado em R$ 500. No caso das empresas, a multa será de R$ 5 mil por cada pessoa (cliente ou funcionário) que estiver no local sem o acessório.

A multa, segundo o governador, será aplicada pela Vigilância Sanitária do Estado em parceria com as de cada cidade.  “A intenção não é arrecadar dinheiro com as multas. É orientar para que as pessoas usem as máscaras para se prevenir e ajudar a não propagar o vírus”. O valor arrecadado, segundo ele, será destinado ao programa Alimento Solidário e revertido em cestas básicas para população em situação de vulnerabilidade do Estado de São Paulo. O governador apresentou dados nos quais 93% da população no Estado já usam a máscara.

Já, as empresas que forem flagradas com clientes ou funcionários sem as máscaras, receberão uma multa de R$ 5 mil para cada um deles.

Doria afirmou que o uso de máscara fará parte do cotidiano por vários meses, até que haja uma solução definitiva para a doença. “A máscara vai ser usada até que haja a vacina contra a covid-19, ou melhor, que toda a população esteja vacinada contra a doença”.

As novas regras serão publicadas em resolução no Diário Oficial do Estado. As denúncias sobre locais com pessoas sem máscara poderão ser feitas pelo telefone 0800 771 3541, disque-denúncia da Vigilância. A ligação é gratuita e permite também registro de denúncias relacionadas às Leis Antifumo e Antiálcool para menores.

Foto: Divulgação Governo do Estado de SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × quatro =