Inscrições para cartão merenda escolar vão até quinta, dia 30 em Ribeirão Pires

A Prefeitura de Ribeirão Pires, por meio da Secretaria de Educação, realiza até essa quinta-feira, dia 30 de abril, as inscrições para o programa de auxílio alimentação destinado aos estudantes da rede municipal em situação de vulnerabilidade social.

Com a ação, a prefeitura amplia o reforço na alimentação para os alunos que enfrentam dificuldades nesse período de pandemia do coronavírus.  A prefeitura já contemplou, em uma 1ª etapa – com kits de alimentos, alunos cadastrados no Bolsa Família ou CadÚnico. Além destes, o programa também atenderá famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza, com renda familiar per capita de até R$ 178,00 (parâmetro definido pelos decretos federais Nº 7.491/2011 e Nº 5.209/2014).

Para tanto, o responsável legal pelo estudante deverá preencher fichas de inscrição (disponíveis no site ribeiraopires.sp.gov.br) e enviar ao e-mail sec@ribeiraopires.sp.gov.br. A partir do preenchimento da ficha, que deve ser feito com letra legível, equipe da Secretaria de Educação entrará em contato para agendar a data de entrega de documentação. Informações sobre o procedimento poderão ser obtidas pelo telefone 4828-9613.

Famílias já cadastradas no Bolsa Família ou CadÚnico não precisam realizar novo cadastro para continuar recebendo o auxílio merenda escolar no período de suspensão das aulas presenciais.

“Em um primeiro momento, para garantir a alimentação dos estudantes com maior grau de vulnerabilidade, atendemos as famílias cadastradas no Bolsa Família ou CadÚnico.

Além de ampliar o número de famílias atendidas – cerca de mil beneficiados na primeira etapa, a prefeitura criará Cartão Merenda. Ao invés dos kits com itens básicos de alimentação, os alunos terão direito a cartão com crédito de R$ 60. Cada aluno que se enquadre no perfil do programa terá direito ao valor. Famílias com mais de uma criança matriculada receberão o auxílio por estudante. Por exemplo, para 2 filhos, o auxílio será de R$ 120, e assim por diante.

A prefeitura está concluindo a implantação deste novo sistema. Após o período de novos cadastros, as equipes da Educação, com apoio da Secretaria de Assistência Social, realizarão análise de documentos e fichas de declaração de vulnerabilidade social, para evitar fraudes.

“Nosso objetivo é garantir esse complemento alimentar para as crianças que mais precisam. Sabemos que muitos de nossos alunos têm suas refeições principais na escola, pelas dificuldades enfrentadas por suas famílias. Por isso, estamos aprimorando o programa. Assegurar o bom desenvolvimento de nossas crianças também é o nosso compromisso”, avaliou a secretária de Educação da cidade, Flávia Banwart.

Na data agendada pela equipe da Educação, pai, mãe ou responsável legal pelo estudante deverão apresentar documentação na Secretaria de Educação (Av. Prefeito Valdírio Prisco, 193 – Centro). Depois de analisada toda a documentação, as famílias recém-cadastradas, bem como aquelas já contempladas com o kit merenda em casa (Bolsa Família e CadÚnico) serão contatadas pela unidade escolar onde o aluno está matriculado, para a retirada do Cartão Merenda.

Com o crédito, poderão ser comprados alimentos perecíveis e não perecíveis no comércio local. Ao final do período de enfrentamento da pandemia, com o retorno das atividades presenciais nas escolas, o auxílio será suspenso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte + 7 =